Trilha do Sol: Um circuito de belas cachoeiras em Capitólio, Minas Gerais.

Sabe aqueles lugares que reúnem, além de imensas belezas naturais, experiências únicas e boas energias? O parque ecoturístico Trilha do Sol é assim! A caminhada por aproximadamente 3 km de trilhas levam a descobrir paisagens naturais surpreendentes. E é o que você vai conhecer no post de hoje!


A Trilha do Sol possui 3 km de trilhas que levam a paisagens encantadoras

Com acesso pela MG-050, a 23 km do centro de Capitólio, saindo em direção à ponte do rio Turvo, o parque é uma opção de lazer para um dia inteiro, já que possui três pontos de visitação com cachoeiras, área de lazer e restaurante.

Logo na chegada, há um centro de atendimento ao visitante, onde você vai receber algumas instruções sobre o parque e as trilhas. Além disso, você será orientado com relação a qual das cachoeiras visitar primeiro, de acordo com o horário em que você estiver no parque, a orientação do sol e o fluxo de visitantes e grupos que já se encontram por lá. Essas orientações são fundamentais para poder aproveitar melhor a experiência. Em Capitólio, é muito importante levar em consideração os horários e a posição do sol para aproveitar as cachoeiras, curtindo as águas claras e transparentes.

As trilhas do parque são de intensidade leve a moderada, dependendo do seu preparo físico. Duas delas são realizadas por terra, passando por algumas subidas e descidas íngremes e escadarias e a outra passa por dentro da água. Importante lembrar: leve bastante água e protetor solar, pois as trilhas, em sua maior parte, são realizadas a céu aberto. Também use calçados apropriados: tênis para fazer as caminhadas em terra e chinelos para a trilha molhada.

As trilhas são todas autoguiadas, com sinalização, o que facilita a orientação dos visitantes por lá. O parque ainda conta com monitores atentos a sua segurança nas áreas das cachoeiras e mirantes.

A primeira trilha que fiz, levou até a Cachoeira do Grito. Dizem que, ao chegar lá, se você gritar, vai espantar más energias. Por via das dúvidas, eu não deixei de fazer, rsrsrs. Mas é bem difícil pensar em negatividade em um lugar como esse. A área da Cachoeira do Grito possui rochas e pedras que formam uma paisagem deslumbrante, com várias quedas d´água, poços e piscinas naturais convidativos para um bom e relaxante banho.


Primeira parada: Cachoeira do Grito

Depois de curtir um tempo por lá, segui pela trilha de acesso ao Poço Dourado. Parte do percurso até chegar ao poço é feito por dentro d´água. Durante o trajeto, você pode coletar pedras e montar um totem, que deve ser deixado em um local específico no final da trilha, fazendo um pedido.

Além de todo o encanto ao realizar o percurso com o pensamento voltado para situações positivas, a trilha é parcialmente fechada pelas pedras e árvores e, ao caminhar, você vê os raios de sol entrando pelos espaços entre eles, o que dá à paisagem uma sensação ainda mais encantadora. O lugar, inclusive, é considerado místico e é realmente incrível a sensação de estar lá, pois todo o ambiente te envolve em uma atmosfera mágica.

No final da trilha, você chega então à Cachoeira do Poço Dourado, que leva esse nome pela cor dourada que os raios de sol dão a ele. E então você pode escolher se prefere tomar um banho ou somente contemplar a paisagem e curtir as sensações que veio experimentando ao longo da caminhada. A experiência que esses quilômetros de trilha molhada proporcionam é única!


A trilha até a cachoeira do Poço Dourado é feita por dentro d´água

Depois de apreciar aqueles momentos por ali, fiz a trilha até o Cânion No Limite. Na chegada, um mirante mostra um pouquinho da paisagem e uma pequena cachoeira em meio às pedras e piscinas naturais. É só escolher a sua preferida e se jogar!


Paisagens na área da Cachoeira e do Cânion No Limite

E se no final de todo o percurso bater aquela fome, o parque possui um restaurante que serve um delicioso peixe recheado com queijo – gente, é uma delícia! Estou com água na boca aqui só de lembrar!

Para dar aquela descansada e recuperar as energias depois do almoço, aproveite o redário, um espaço com redes nas sombras das árvores ou a área com piscina.

Ao programar o seu roteiro, deixe um dia inteiro reservado para conhecer o parque e aproveitar tudo o que o local oferece com calma. Funciona de terça a domingo, das 9 horas às 17 horas. A entrada custa R$ 45,00 por pessoa e crianças até 12 anos não pagam. O parque Trilha do Sol é uma experiência completa! Vale muito a pena! 


Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas